Em Cena: A Influência Dos Movimentos ArtÍsticos Na Produção Audiovisual

Marco Aurélio Dalcin Quirino, Flavi Ferreira Lisbôa Filho

Resumo


Introdução: Este estudo aborda a influência dos movimentos artísticos contemporâneos na produção audiovisual a partir da linguagem utilizada. Busca também quais as manifestações que são de natureza artística foram apropriadas na produção de audiovisuais e quais são as principais influências. Material e Métodos: Primeiramente foi realizado uma categorização dos movimentos artísticos contemporâneos, partindo desde o ano 1900 até a contemporaneidade. Passando por correntes como: Art Noveau, Dadaísmo, Cubismo, Pop Art entre outras, foi possível catalogar informações importantes sobre cada corrente artísticas, reunindo seus conceitos, suas principais obras e os artistas vanguardistas de cada movimento.Em segundo momento, produções cinematográficas mais relevantes, de 1950 até o ano de 2008 foram mapeadas com a finalidade de constituir o corpus da pesquisa. A escolha das produções foi baseada a partir de uma base de dados cinematográfica chamada Imdb (Internet Movie Database, ou Base de Dados Cinematográfica na Internet). A partir da categorização por década e um Top de películas que são rankeados de acordo com: votos de membros, críticas, integridade, etc., foi possível reunir uma produção cinematográfica por década para a análise. O primeiro filme, de 1957 foi, 12 Angry Man de Sidney Lumet, diretor, roteirista e escritor renomado na área de cinema. Resultados e Discussão: Parcialmente pode se afirmar que existe uma relação de “amizade” entre as produções audiovisuais e os movimentos artísticos. A apropriação de valores e influências da arte pelo cinema, por exemplo, garante inicialmente uma valorização da película e um significado único e subjetivamente artístico, principalmente no que faz referência a questão da linguagem utilizada. A ambientação do filme, o clima psicológico, os personagens e suas atitudes e os cenários são provas primáris da problemática sugerida. Conclusões: Apesar de um pré-teste, é possível já reconhecer tendências entre a relação audiovisual e arte, seja pela linguagem, ou simplesmente por elementos que compõem a estética cinematográfica, como: cenários, iluminação, movimentos de câmera, etc. Resta agora, confirmar se a consistência desta hibridização a partir da caminhada temporal que o cinema fez até os dias de hoje. Orgão de Fomento:

Palavras-chave


Movimentos Artísticos, Produção Audiovisual, Cinema, Linguagem

Apontamentos

  • Não há apontamentos.