EstratÉgias De Concorrência Na Indústria De Leite De Ovinos E De Caprinos Do Sul Do Brasil

Diessa Fagundes De Azambuja, Fernanda Simões, Gladis Correa Ferreira, Júlio Eduardo Rohenkohl

Resumo


Introdução: A ovinocultura é uma atividade tradicional no sul do Brasil. A produção e industrialização de leite de ovinos, entretanto, é incomum na região. Há um novo ramo industrial ligado ao beneficiamento do leite de ovinos e de caprinos evoluindo em diferentes partes do país. Os produtos lácteos de ovinos e de caprinos têm potencial para aumentar a renda de municípios do sul do Brasil. Para o desenvolvimento desta atividade, é imperativo analisar a evolução da indústria na qual ela se insere. O desenvolvimento socioeconômico ocorre em um vértice no qual encontram-se, por um lado, fatores específicos de um território como a potencialidade ambiental, as habilidades humanas e de infra-estrutura e, de outro, a dinâmica concorrencial com raízes que extrapolam os limites da realidade local. A compreensão da referida dinâmica alicerça o esquadrinhamento de estratégias que combinem as potencialidades locais com o intuito de tirar proveito de brechas no tecido industrial para promover o crescimento de firmas e de produtores da região. Material e Métodos: O objetivo do trabalho é obter uma caracterização do segmento identificando seus contornos mundiais, o seu perfil no Brasil e no Estado. É importante descrever a estrutura de mercado e o padrão de concorrência vigentes e indicar as possibilidades de repercussão nas estratégias das empresas e dos empreendimentos agropecuários. Para obter um quadro analítico rico que permita identificar as estratégias competitivas em meio a um contexto institucional, é pertinente combinar informações de diversas fontes. As informações secundárias são oriundas de sites de firmas insumidoras, firmas processadoras de leite de ovinos e de caprinos e associações setoriais, e da bibliografia científica e jornalística. As informações de fonte primária virão de entrevistas com firmas e de organização de pesquisa. Estas entrevistas, conduzidas mediante questionário semi-estruturado próprio, permitirão aprofundar a compreensão de informações de produto, processo e mudança organizacional identificadas no relatório pré-campo. Todas as fontes contribuirão tanto para a contextualização ambiente institucional como para a identificação do padrão de concorrência e estratégias concorrenciais desafiadoras do mesmo. Os passos da pesquisa são os seguintes. a) Pesquisa em fontes secundárias; b) Confecção de dossiês corporativos; c) Montagem do quadro de fatores de competitividade das empresas; d) Montagem do quadro de mapeamento institucional; e) Relatório pré-campo; f) Entrevistas com amostra de empresas; g) Entrevistas com pesquisadores; Revisão dos quadros de fatores de competitividade e de mapeamento institucional e inferência do padrão de concorrência; i) Relatório final. Resultados e Discussão: O trabalho está em estágio inicial. As informações coletadas até o momento indicam uma tendência de padrão de concorrência de segmentação do mercado de leite em geral e diferenciação de produtos. A comercialização ocorre através das redes varejistas e para restaurantes. Uma associação entre produtos derivados de ovinos e de caprinos com turismo rural foi identificada, estratégia que permite criar pontos de venda diretamente nas unidades de beneficiamento. Uma inadequação institucional da legislação sanitária nacional, voltada para beneficiamento de leite bovinos, às peculiaridades da produção de queijo feito de leite de ovinos e de caprinos requer maior investigação. Conclusões: Orgão de Fomento:

Palavras-chave


concorrência, estratégias, ovinos, caprinos, leite

Apontamentos

  • Não há apontamentos.