Forças E Fraquezas Da Produção De Leite Em Sant'ana Do Livramento: Percepção Dos Produtores

Leticia Da Costa Alves

Resumo


Introdução: Os setores econômicos mais tradicionais, como o da agricultura, tem notado que um dos fatores mais importantes para aumentar a competitividade é a capacidade de transformar informação em conhecimento e inovação (Cavalcanti, Lima e Neto, 2005), onde as forças e fraquezas de uma organização podem ser analisadas para tornarem-se vantagens competitivas. Nesse sentido, o presente trabalho tem por objetivo identificar as forças e fraquezas da produção de leite em Sant'Ana do Livramento (RS), tendo como base a percepção dos produtores de leite. Material e Métodos: O método adotado foi a pesquisa exploratória, de caráter qualitativo, que segundo Marconi e Lakatos (2009) pode ser entendida como investigações de pesquisa empírica cujo objetivo é aumentar a familiaridade do pesquisador com um ambiente, fato ou fenômeno, para a realização de uma pesquisa futura mais precisa.Para a coleta de dados, utilizou-se da técnica de grupo de foco, que segundo Hair et al (2005), são pequenos grupos reunidos em um formato de discussão conduzidos por um moderador. No caso estudado, foram formados quatro grupos de foco, cada um possuindo entre 20 e 30 produtores de leite da cidade, totalizando mais de 100 produtores.O tratamento dos dados deu-se através transcrição das informações coletadas nos grupos de foco e para a análise, foram comparados com o referencial teórico da pesquisa, procurando destacar a percepção dos entrevistados quanto ao objeto de pesquisa. Resultados e Discussão: A partir da análise dos dados coletados através dos produtores pode-se observar que as forças e fraquezas da produção de leite do município praticamente se igualam em número, porém as fraquezas citadas são mais significativas em termos de comprometimento da produção.Nota-se também que as fraquezas são, em sua maioria, representadas por problemas decorrentes de baixo investimento, ou seja, representado por infra-estrutura, falta de conhecimento e investimentos em melhoramentos de pastagens, bem como do rebanho. Porém, alguns aspectos externos também afetam a produção de leite, tais como ausência de políticas públicas de incentivo e manutenção das vias de escoamento da produção. Uma fraqueza que pode ser considerada relevante para a produção, mencionada pelos produtores, é a falta de cooperação no setor, entre os produtores e as instituições envolvidas. O que pode se tornar um obstáculo para toda a cadeia.Levando em conta as forças, podem ser citadas como as mais relevantes os recursos naturais disponíveis, o empenho dos produtores para impulsionar o setor e a garantia de comercialização do produto. Que se trabalhadas, podem se tornar vantagens competitivas para o setor na cidade. Conclusões: A partir deste estudo, pode-se concluir, segundo a percepção dos produtores, que a produção de leite na cidade de Sant'Ana do Livramento demanda por investimentos que auxiliem no seu desenvolvimento, e que o incentivo de políticas públicas poderia ser útil nesse aspecto. Enquanto as forças, tendem a desempenhar um papel relevante para o setor se utilizadas de forma a gerar vantagens competitivas.Uma das possíveis sugestões aos produtores e instituições de apoio, seria o aperfeiçoamento da questão da cooperação. Assim, se os produtores e as instituições envolvidas trabalharem juntos, o desenvolvimento da produção de leite no município teria maiores probabilidades de se efetivar. Orgão de Fomento:

Palavras-chave


produção de leite, forças e fraquezas

Apontamentos

  • Não há apontamentos.