Turismo De Eventos Como Fator De Desenvolvimento: Uma AnÁlise Do Impacto TurÍstico Do 3º Moto Fest De São Gabriel-rs.

Dalton Moreira Nunes Filho, Rogério Altamir Silveira Ximes, Leonel Golin Neto, Uilliam Munhóz Rieffel Dos Santos

Resumo


Introdução: O turismo é uma das atividades econômicas que mais crescem no mundo. Muitas regiões mantêm na atividade turística a sua principal fonte de rendimentos, por isso seu estudo em regiões potencialmente viáveis para o turismo, como a Metade Sul do Rio Grande do Sul, que possui atrativos paisagísticos, histórico e cultural, é de grande importância. A concepção neste sentido é que turismo de eventos poderá servir como divulgação da região. O objetivo deste trabalho foi realizar uma análise do 3º Moto Fest na cidade de São Gabriel entre os dias 05 e 06 de setembro de 2009, na convicção de que eventos desta natureza poderão se constituir em importantes estratégias de desenvolvimento das atividades turísticas para as cidades da região. Material e Métodos: Foram realizadas pesquisas bibliográficas sobre os temas: turismo e desenvolvimento regional, turismo de eventos e turismo de motociclistas. Durante o 3º Moto Fest foram aplicadas 87 entrevistas quanti-qualitativas com turistas que visitaram a cidade no evento e foi realizado levantamento da lotação dos principais hotéis da cidade. Resultados e Discussão: O município de São Gabriel está localizado na região centro-oeste do Estado Rio Grande do Sul, sua história remonta a trajetória jesuítica no Rio Grande do Sul onde as batalhas dos índios missioneiros, especialmente à guerra guaranítica tiveram na cidade seu marco. É reconhecida também pela arquitetura de seus “casarões antigos”, hoje símbolo de uma época áurea da economia pecuária na região. Apesar disso o município não é considerado um ponto turístico de destaque no Estado, neste sentido a promoção de eventos poderá servir como incentivo ao desenvolvimento do turismo na cidade.O 3º Moto fest foi realizado na praça Fernando Abbott, contou com a presença de mais 2000 pessoas durante os dois dias de realização. Os principais dados da pesquisa mostraram que 47% dos entrevistados possuem renda de aproximadamente de 1 a 3 salários mínimos. A maioria, 47% pretendiam gastar menos de 250 reais no evento. Entre as principais despesas citadas está a alimentação(34%) e hospedagem(32%). Dos entrevistados 61% disseram que participariam apenas das festas promovidas pelos organizadores; 70% não conheciam nenhum ponto turístico da cidade e 28% consideravam que para o Motofest melhorar, deveria haver uma maior divulgação. Já 37% salientaram que o maior atrativo da cidade de São Gabriel é a hospitalidade; 42% visitavam São Gabriel pela primeira vez. Dos entrevistados 55% ficaram sabendo do evento através de amigos. Conclusões: Pela análise dos dados constatou-se que o 3º Moto Fest não motivou a visitação dos pontos turísticos de São Gabriel. Apenas dois hotéis tiveram hóspedes participantes do evento, estes os que possuem diárias de menor preço. Os gastos da maioria dos participantes foram destinados para alimentação e hospedagem. Pode-se afirmar que o 3º Moto Fest serviu apenas como um ponto de encontro de simpatizantes da prática do motociclismo, pois estes frequentaram somente os atrativos propiciados no próprio evento, exclusivamente na praça central da cidade. O que se constatou na pesquisa é que, apesar de um bom número de turistas que frequentaram a cidade durante o evento, poucos tinham a intenção de retornar a cidade exceto em eventos do mesmo tipo.Ou seja, a cidade de São Gabriel não se constituiu um atrativo turístico por si só, é preciso, portanto, um empenho mais efetivo dos agentes ligados ao setor para transformar eventos desde tipo em impulsionadores efetivos do turismo no município. Orgão de Fomento:

Palavras-chave


Turismo e desenvolvimento, Turismo de Eventos, São Gabriel, Moto Fest

Apontamentos

  • Não há apontamentos.