Levantamento De Hospedeiros De Percevejo-do-colmo (tibraca Limbativentris) Durante Sua Fase De Hibernação Em Itaqui, Fronteira-oeste Do Rio Grande Do Sul

Nereu Carpes Meus, Juliano Bastos Pazini, Andreza Bertoldo, Douglas Geremia, Fernando Felisberto Da Silva

Resumo


Introdução: O percevejo-do-colmo é altamente prejudicial à cultura do arroz no Brasil, principalmente em cultivos irrigados por inundação. Este percevejo danifica as plantas de arroz desde o início da fase de perfilhamento, porém, danos econômicos à cultura ocorrem quando perfura os colmos entre a fase de pré-floração e a de formação de panículas. A distribuição do percevejo-do-colmo durante a hibernação é um fator de grande importância para prever os pontos de ataque durante o ciclo da cultura de arroz. Este trabalho teve como objetivo identificar as principais plantas hospedeiras de percevejo-do-colmo, durante sua fase de hibernação. Material e Métodos: As coletas foram feitas numa área de lavoura orizícola de Itaqui-RS, nos dias 07/09/2009, 09/09/2009, 11/09/2009 e 14/09/2009, coletando e identificando as plantas hospedeiras com auxilio do professor orientador e bibliografia. Os locais foram determinados de acordo com o agroecossistema do local, principalmente sobre gramíneas, ciperáceas, soca e outras plantas, nas extremidades da lavoura próximas a rios, sangas, lagos e barragens alem de beiradas de cercas e de canais de irrigação, pois estes locais não sofrem manejo, nem mesmo controle de pragas, portanto são propícios para o desenvolvimento de insetos por manterem uma grande densidade de plantas, possíveis hospedeiras. Após a determinação dos locais, foram procurados insetos em toda vegetação do local, incluindo plantas e palha (soca). Para a execução das coletas foram utilizados pinças e recipientes com entrada de ar para armazenar os insetos. Resultados e Discussão: As vegetações hospedeiras com maior incidência do inseto foram capim-annoni, Paspalum sp., junquinho, azevém, soca, arroz-vermelho e grama-seda, com população total entre todas as coletas de 35%, 18,5% , 11,4%, 11,4%, 10%, 8,5% e 7,8%, respectivamente. Portanto este levantamento nos demonstrou que o capim-annoni é uma planta hospedeira preferencial para a hibernação do percevejo-do-colmo, se destacando na região da lavoura dentre as outras plantas típicas da região. Porem o capim-annoni não é disseminado em toda a região da fronteira-oeste assim outras plantas podem ser preferenciais em outros municípios e em outras regiões do município de Itaqui. As plantas que servem de hospedeiros para sua hibernação têm uma grande importância, pois ao detectar quais as principais plantas ou as preferidas por este inseto, podemos através de um manejo adequado de controle, reduzir a população inicial do inseto. Portanto o controle deste inseto hibernante ou no fim da hibernação é promissor, pois facilita métodos de controles em pequenas áreas, por este inseto ter característica de distribuição inicial agregada. Conclusões: Com a identificação das plantas preferenciais para a hibernação do inseto podemos estimar os locais de iniciais à infestação, ou seja, os pontos de entrada do inseto na lavoura, assim facilitando o monitoramento desta praga podemos aplicar medidas de manejo integrado, eliminando o inseto com menor uso de inseticidas, reduzindo a probabilidade de residual na cultura. Orgão de Fomento:

Palavras-chave


percevejo, insetos pragas do arroz, plantas hospedeiras de insetos, distribuição de percevejos, capim - anoni

Apontamentos

  • Não há apontamentos.