AS PRÁTICAS DE BEM-ESTAR E O USO DAS TECNOLOGIAS NA TERCEIRA IDADE

Jaison Marques Luiz, Rafael Silveira da Mota, Veronice Camargo da Silva

Resumo


O bem-estar está relacionado à disposição plena do corpo e da mente e nos confere a sensação de segurança, conforto e tranquilidade nas atividades que realizamos no decorrer do dia-a-dia. Por outro lado, sua ausência pode ser um gatilho que acarretará em enfermidade. À vista disso, em meio a toda essa turbulência da rotina, várias pessoas acabam esquecendo e afastando-se de sua pretensa qualidade de vida, em que a sociedade dita padrões e exige produção para um ciclo de movimentos. Aliado a isso, somos assoberbados de responsabilidades e devemos administrar um emaranhado de sentimentos. Nesse sentido, questiona-se sobre o conceito ideal de bem-estar ou até mesmo se existe um consenso para tal definição. Pensando nessas realidades, o Grupo de Pesquisa e Estudos Integrados à Educação: Linguagens e Letramentos, elaborou um projeto de extensão intitulado Letramento digital: uso de recursos tecnológicos e práticas corporais em espaços não-formais, o qual tem como objetivo desenvolver práticas com a terceira idade, a partir de recursos tecnológicos aliados à consciência corporal e letramento digital. O mesmo acontece numa Instituição de Longa Permanência aos Idosos/ILPIs e é executado por pesquisadores do referido grupo e por doze voluntários. Para melhor compreendermos essas realidades e sensibilizarmos a sociedade sobre a relevância do projeto, utilizaremos como base de análise, os diários de bordo dos voluntários que atuam no projeto, os quais são produzidos semanalmente, junto com suas observações na execução do projeto. Podemos concluir que o projeto de extensão, propõe/propôs antes de qualquer coisa, um papel social, que transpassa barreiras e realidades enfrentadas por estes residentes, além de oportunizar uma interação entre seus pares. Para os voluntários, a execução deste projeto tornou-se uma vivência única, pois o projeto propiciou socialização, clareza e uma compreensão dos espaços não-formais de aprendizagem.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.