PROJETO NADAR: POSSIBILIDADE PRÁTICA PARA ESTUDANTES DAS ESCOLAS PÚBLICAS DE URUGUAIANA/RS

Renata Duarte, Susane Graup, Jéssica Almeida Isbarrola, Sandramara Naziazeno do Nascimento, Ramon Felipe Duarte Da Rosa Pereira, Phillip Vila Nova Ilha

Resumo


O objetivo deste projeto foi mobilizar discentes do Curso de Licenciatura em Educação Física da Universidade Federal do Pampa para a prática de ensino da natação às crianças carentes do município de Uruguaiana-RS, oportunizando um estilo de vida saudável a fim de propiciar uma vida mais cidadã.
O projeto Nadar é uma atividade de extensão que oportuniza o contato direto dos acadêmicos de Educação Física com o desenvolvimento de atividades aquáticas para a comunidade escolar, mais especificamente da natação. Para tanto, foi firmada uma parceria com a Secretaria Municipal dos Esportes e Lazer de Uruguaiana/RS, para a utilização de espaços físicos fornecidos pela Prefeitura Municipal para a realização de projetos sociais.Foram ofertadas 4 turmas com 15 vagas cada. As atividades são realizadas duas vezes semanais em uma piscina aquecida em um Clube privado do município, em horário contrário ao escolar, sendo que cada encontro tem duração de 50 minutos, no quais são realizadas atividades de caráter lúdico-educativo.
As aulas do projeto tiveram início em maio do corrente ano. Entretanto, as turmas foram completadas apenas em julho. Atualmente são atendidas 60 crianças, sendo 38,3% do sexo masculino. Vale destacar que o projeto conta com a participação de 4 crianças com deficiência (Síndrome de Down, Paralisia Cerebral e Autismo) que participam regularmente
das atividades. As avaliações antropométricas realizadas neste projeto, constataram que 36% dos participantes apresentam excesso de peso ( risco de sobrepeso, sobrepeso e obesidade), reforçando a importância da prática de atividades físicas para a promoção da saúde. Desta forma, ações com as desenvolvidas no projeto Nadar se revestem de importância, pois podem influenciar a promoção de um estilo de vida mais ativo e saudável. Os planos de aula aplicados no projeto foram elaborados pelas bolsistas sob orientação da coordenadora do mesmo, sendo desenvolvidos contando com a participação de 4 discentes (monitores voluntários) do curso de Educação Física. A participação dos alunos é extremamente importante pois permite vivenciar o contato com a prática docente. Além disso, o projeto possui ações que possibilitam a participação dos discentes matriculados na disciplina de Esportes Aquáticos do Curso de Educação Física, maximizando o processo de formação. Nesta perspectiva, a extensão universitária tem o propósito de aproximar a relação dos estudantes e a comunidade, oportunizando aprofundamento, expansão e solidificação dos conhecimentos adquiridos assim como, a troca de saberes por meio desta interação.
O projeto Nadar tem apresentado grande valor à comunidade acadêmica por oportunizar a experiência de aprender a ensinar a natação, tornando o acadêmico mais preparados para a atuação; por viabilizar o contato com a comunidade escolar em um ambiente diferenciado e característico e; por provocar a relações entre a Universidade e a comunidade na qual esta instituição está inserida. Quanto aos resultados, o projeto tem surtido nos alunos atendidos e na comunidade local, o sentimento de empoderamento e inclusão, pois oportuniza a prática gratuita de atividades físicas capazes de estimular uma vida mais saudável e cidadã a um público que carece de recursos e espaços apropriados.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.