ENSINO DE PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS NAS ESCOLAS: PROJETO DE EXTENSÃO PAMPA CODE

Wolgan Ens Quepfert, Andrea Sabedra Bordin, Cristiane Gonçalves Pinheiro, Nathan Fernando Nunes Vargas Gonçalves, Amanda Lopes

Resumo


O ensino de competências da computação, tais como a programação, durante a educação básica é um tema que vem ganhando destaque. Isso se deve a necessidade da formação de indivíduos capazes de se adequar às mudanças rápidas na tecnologia e solucionar problemas interdisciplinares através do pensamento computacional ou algorítmico . Abordar a programação para dispositivos móveis com ferramentas que possibilitam a construção rápida de aplicativos utilizando a lógica de blocos abstrai a dificuldade gerada pelas regras de sintaxe complexas de linguagens e ferramentas convencionais, permite que o aluno visualize rapidamente o resultado de construção em seu próprio aparelho, desperta sua curiosidade e estimula o pensamento computacional, aumentando suas perspectivas de resolução de problemas de forma mais lógica. Neste contexto, este trabalho tem como objetivo relatar a experiência do ensino de programação para dispositivos móveis Android a alunos de quatro escolas do município de Alegrete-RS. A execução do projeto foi dividida em quatro etapas principais: oferta da oficina piloto, planejamento, execução e avaliação. Na etapa de planejamento foi definida a utilização da ferramenta App Inventor como interface de programação e a construção de um Quiz (jogo de perguntas e respostas) como aplicação a ser desenvolvida. Na etapa de execução do projeto são realizadas atividades de divulgação, execução e avaliação das oficinas. As quatro oficinas somaram um total de 104 inscritos com 60 presenças no primeiro dia e 47 concluintes após o segundo dia. Ao final de cada oficina, os estudantes tiveram acesso à um questionário de avaliação formado por questões qualitativas e quantitativas, tais como: Como você avalia a equipe executora? Como você avalia as atividades realizadas? O que você mais gostou ? O que menos gostou? A análise do conteúdo das avaliações feitas pelos participantes mostra, de modo geral, resultados bastante satisfatórios. Houve poucos relatos de muita dificuldade na aprendizagem. Algumas respostas apontam o fato de estudantes das escolas públicas não terem oportunidades de acesso ao tipo conhecimento oferecido nas oficinas.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.