DESENVOLVIMENTO DA COLETÂNEA DE MAPAS DA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO NEGRO-RS

Ana Branco, Alexandro Gularte Schafer, John Roger Roldan Aleixo, Fernanda Costa

Resumo


A bacia do rio Negro em território brasileiro (bacia do rio Negro-RS) constitui-se na unidade hidrográfica U-80, conforme divisão do Sistema Estadual de Recursos Hídricos do Rio Grande do Sul (SERH-RS), abrangendo 3.007km². A bacia se desenvolve no sentido nordeste-sudoeste até a fronteira com o território uruguaio, abrangendo parcialmente os municípios de Aceguá, Bagé, Candiota, Dom Pedrito e Hulha Negra. O déficit hídrico é um dos problemas da Bacia do Rio Negro-RS que apresenta destaque. Dentre os problemas existentes na bacia do Rio Negro-RS, o déficit hídrico e as dificuldades de garantir o abastecimento público de água apresentam destaque. É possível afirmar que existem sérios problemas na bacia hidrográfica do rio Negro e, paralelamente, um grande desconhecimento de seus aspectos físicos, ambientais e sociais, o que prejudica o processo de tomada de decisão no sentido de eliminar ou minimizar esses problemas. Neste contexto, desde o ano de 2012, está em desenvolvimento o projeto de extensão universitária Bacia hidrográfica do rio Negro-RS: conhecer para gerenciar, que tem como objetivo principal promover ações que resultem em conhecimento acerca dos aspectos físicos, sociais e ambientais na área de abrangência da bacia hidrográfica do Rio Negro-RS. Este artigo apresenta o resultado parcial de uma das atividades previstas no projeto de extensão universitária, que é a produção de mapas da bacia hidrográfica. A coletânea de mapas da bacia hidrográfica do Rio Negro-RS foi confeccionada no Laboratório de Modelagem e Simulação Computacional (LMSC), no campus Bagé da Unipampa. Utilizou-se notebook, impressora A3, plotter e os programas computacionais ArcMap e ENVI. O desenvolvimento da coletânea foi composto por oito etapas: a) Pesquisa por material cartográfico existente; b) Edição do material cartográfico existente; c) Obtenção de imagens SRTM e Landsat; d) edição das imagens SRTM e Landsat; e) Classificação de imagens de sensoriamento remoto; f) Criação do modelo de mapa; g) Criação dos mapas e h) Impressão dos mapas produzidos. A produção que já contabiliza 32 mapas e envolveu mais de 30 pessoas, entre discentes e docentes da Unipampa. Os mapas criados até o momento constituem-se em documentação básica sobre a bacia hidrográfica do Rio Negro, elaborados no contexto do projeto de extensão universitária Bacia hidrográfica do Rio Negro em território brasileiro: conhecer para gerenciar, que vem sendo desenvolvido desde o ano de 2012 e envolveu mais de trinta pessoas, entre docentes, discentes e técnico administrativos. O desenvolvimento da coletânea de mapas avançará até o final de 2017. Com base nesse documento, pretende-se partir para a criação de um atlas da bacia hidrográfica do Rio Negro-RS, que é uma das menores e menos estudadas bacias hidrográficas do Rio Grande do Sul.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.