DIMENSIONAMENTO DE TROCADOR DE CALOR PARA VAPORIZAÇÃO DE ETANOL COMO COMBUSTIVEL EM MOTOR CICLO OTTO

Fabiano Cassol, Tobias Andre Mombach

Resumo


A utilização em larga escala dos motores de combustão interna em veículos tanto na linha leve quando na linha pesada, iniciada nos primórdios do século passado, gerou grandes mudanças no modo de vida da população, trazendo comodidade e facilidade de locomoção. Os motores empregados no transporte de cargas e pessoas trouxeram consigo algumas preocupações, como o uso incessante de combustíveis proveniente do petróleo e produção excessiva de dióxido de carbono proveniente de seu funcionamento. Diante deste cenário, combustíveis renováveis e a otimização no uso dos combustíveis estão sendo cada vez mais estudados e pesquisados para que se possa diminuir a emissão de gases poluentes, além de aumentar o rendimento desses motores. O objetivo do presente estudo é analisar o dimensionamento de um trocador de calor para vaporização de etanol operando como combustível em um motor de combustão interna. A utilização de etanol vaporizado aumenta a eficiência do motor devido ao fato de gerar uma mistura ar/combustível mais homogênea e em consequência resultar em uma combustão mais completa. O trocador de calor projetado apresenta como fluido quente a água do sistema de arrefecimento, na temperatura de 93º C. O etanol é transformado em vapor na temperatura de 78,4º C, o trocador de calor projetado é do tipo tubos concêntricos. Como resultados finais foi determinado um trocador de calor com 14,1 m de comprimento, 0,05 m de diâmetro externo e 0,02 m de diâmetro interno.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.