AVALIAÇÃO DE JUNTAS SOLDADAS PELO PROCESSO GMAW

Hortencia Noronha dos Santos, Aldoni Gabriel Wiedenhoft, Gustavo Fuhr Santiago

Resumo


Soldagem é o processo de união de metais por meio de fusão. Esse processo evoluiu ao longo do século XX, tendo diversas variações e adequações conforme o avanço tecnológico, passando de um processo manual a robotizado. A solda GMAW (Gas Metal Arc Welding), é um processo largamente utilizado em indústrias, sendo
realizado através de arco elétrico entre a peça e o consumível em forma arame, em
que o eletrodo não revestido é fornecido através de alimentador contínuo. O gás de
proteção, inerte ou não, protege o cordão de impurezas, evitando possíveis defeitos
do material. Este processo é de baixo custo e permite ser automatizado com facilidade, e também permite soldar diversos tipos de aços. Quando bem realizada, a solda GMAW possui bom desempenho e não há escória, se comparada com outros processos mais comuns utilizados na indústria. O presente trabalho avalia o
desempenho de juntas soldadas por este processo, a partir da união de chapas de
aço SAE 1030 de diferentes espessuras (1,8 mm, 2 mm, 2,25 mm, 2,5 mm e 2,65 mm) em equipamento automático, realizada pela empresa PS Zamprogna, de Canoas/RS. A máquina utilizada é Starweld 390x3, eletrodo ER70S-6, gás inerte com 75% de CO2 e 25% de Ar. A solda foi realizada em um passe, pelo equipamento em uma velocidade constante para diferentes espessuras. Para analisar a solda, foram realizados ensaios de tração, microdureza e micrografia, afim de avaliar a resistência mecânica, dureza, tenacidade e identificar possíveis defeitos na estrutura a nível micro e macro. Após análise dos resultados, foi identificado que o gradiente de temperatura elevado, o que levou o crescimento de grãos grosseiros, baixa dureza e rompimento na solda (no ensaio de tração), o que compromete a mesma. Para juntas de menor espessura (1,8 mm e 2 mm) este gradiente foi mais severo, onde foi constatado o aparecimento de trincas a nível microestrutural. Para juntas de maior espessura (2,25 a 2,65), a solda teve bom comportamento no ensaio de tração, e os resultados de microdureza e micrografia estiveram de acordo com a bibliografia.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.