PERFIL E COMPETÊNCIAS GERENCIAIS PARA DIRIGENTES DO CAMPUS SÃO GABRIEL DA UNIPAMPA

Alex Cesar Cavalheiro Marques, Victor Paulo Kloeckner Pires, Alessandra Barazzutti, Carlos Alberto Xavier Garcia

Resumo


O presente estudo surgiu da necessidade de se desenhar um perfil qualificado para os cargos de gestão do Campus São Gabriel da Universidade Federal do Pampa. Um perfil que transcenda as vontades individuais, relações pessoais e de grupos políticos, levando em consideração as competências necessárias para a eficaz execução das funções que os cargos exigem. A competência gerencial desponta como característica essencial ao alcance dos objetivos organizacionais propostos, na medida em que implicam nos conhecimentos, habilidades e atitudes necessárias.
A pesquisa alicerça-se na necessidade de contribuir para a discussão e escolha de candidatos aos cargos de gestão e a aceitação destes pelo grupo de técnicos administrativos, procurando revelar sua percepção a respeito das qualificações humanas desejáveis para o trabalho, expressas em termos de educação, experiência e iniciativa gerencial; assim como detalhar, sob o ponto de vista dos TAE´s o que os cargos exigem de seus ocupantes em termos de conhecimentos, habilidades e capacidades para que possa desempenhá-lo adequadamente. A Universidade Federal do Pampa, cenário desta pesquisa, é juridicamente uma fundação pública e seus servidores possuem regime de trabalho próprio. Os cargos gerenciais são ocupados através de indivíduos que a eles se candidatam e a meritocracia não é, assim, pressuposto para as suas ocupações. A unidade de análise e onde os dados foram coletados é o Campus São Gabriel. As premissas deste estudo surgem a partir das informações e dados que foram coletados em uma reunião da Seção Sindical do SINDIPAMPA entre técnicos administrativos em educação do Campus São Gabriel. A pesquisa adotou os procedimentos metodológicos inerentes à investigação de natureza qualitativa, uma vez que esta permite que os fenômenos sejam investigados a fundo, em uma ênfase exploratória da realidade. O estudo desenvolvido demonstra claramente a vontade dos Técnicos Administrativos do Campus São Gabriel em ter uma equipe de dirigentes que ocupem cargos gerenciais pautada pelo diálogo, pela ética e pelo comprometimento com o serviço público; que tenha habilidade para trabalhar em equipe e apresentar soluções; que tenha capacidade para liderar, planejar e tomar decisões e articular as relações de trabalho entre a direção e os diversos ocupantes de cargos na estrutura organizacional. O estudo evidencia a necessidade de ressaltarem-se as habilidades motivacionais como forma de alavancar as habilidades interpessoais, como forma de assegurar o desenvolvimento individual e proporcionando o aprendizado organizacional coletivo.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.