TEORIA DE GRAFOS: UMA ABORDAGEM PARA A PROGRAMAÇÃO DE EXAMES FINAIS

Tulon Pereira da Fontoura, Vanessa Scheeren, Francieli Aparecida Vaz, Elizangela Dias Pereira

Resumo


O presente trabalho propõe uma solução para o Problema de Programação de Horários de Exames de Cursos Universitários a partir da Teoria de Grafos. Nesse sentido, o estudo foi desenvolvido com 19 componentes curriculares ofertadas as curso de Matemática Licenciatura que somaram um total de 221 alunos matriculados. O objetivo do trabalho foi desenvolver um Calendário de Exames Finais para o Curso de Matemática Licenciatura da Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA), campus Bagé, de forma a alocar os 19 exames no período de uma semana, cinco dias, com dois períodos por dia. A solução para o problema foi obtida a partir do algoritmo de Welch-Powell adaptado, fundamentado no conceito de Coloração de Grafos. As adaptações no algoritmo foram desenvolvidas para atender as seguintes restrições impostas ao calendário: exames que possuem alunos matriculados em comum não podem ser agendados para o mesmo período; professores que ministram mais de um componente curricular não podem ter os respectivos exames alocados para o mesmo período; podem ser agendados no máximo dois exames por período; deve ser priorizado o agendamento para o mesmo período de exames referentes a componentes curriculares de mesma natureza. Os resultados alcançados mostraram que o algoritmo de Welch-Powell adaptado, alicerçado no conceito de Coloração de Grafos conseguiu atender aos objetivos do problema. Com base neste recurso foi possível desenvolver um Calendário de Exames Finais viável, dentro do prazo estabelecido, satisfazendo a todas as condições impostas.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.