APLICAÇÃO DA TÉCNICA DE IMPUTAÇÃO MÚLTIPLA NO PREENCHIMENTO DE FALHAS EM REGISTROS ATMOSFÉRICOS DE BAGÉ/RS

Nívea Maria Barreto Nunes Oleques, Paulo Duarte Filho, Francine Kalas, Vera Lúcia Duarte Ferreira, Fernando Luis Dias

Resumo


É notável considerar que registros temporais de variáveis ambientais tendem a apresentar falhas ao longo do tempo, quer seja por ausência de dados, quer seja pela falha nos equipamentos ou sensores utilizados para as medidas. O preenchimento de lacunas em séries temporais é de grande valia em diversos estudos da área ambiental, inclusive na predição de eventos. Neste trabalho, lacunas existentes em séries horárias de insolação, prevenientes de uma estação meteorológica de superfície da cidade de Bagé (RS), são tratadas através do método de imputação múltipla com auxílio do software estatístico R. Os resultados obtidos mostram que essa técnica apresentou-se satisfatória, com eficiência superior a 90% para o preenchimento dos dados faltantes.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.