DESEMPENHO OPERACIONAL NA EXPORTAÇÃO DO CAFÉ BRASILEIRO

Paolo Edoardo Coti-Zelati, Diego Alexander Hernandes Coppini, Carlos Nabil Ghobril

Resumo


Os problemas relacionados à gestão de operações configuram algumas das principais barreiras para as exportações de produtos de origem agroindustrial. Toda essa desorganização logística incide diretamente sobre o valor de comercialização do produto final, tornando o café brasileiro, muitas vezes, não competitivo no mercado internacional. O objetivo deste estudo foi identificar as maiores dificuldades relacionadas ao desempenho operacional na exportação do café, de modo a possibilitar uma redução nos custos, elevando a capacidade competitiva do café brasileiro no mercado internacional. Para tal, realizou-se uma pesquisa com 100 respondentes com experiência em operação e exportação de café. Os dados coletados através de um questionário com 10 assertivas postado no SurveyMonkey. Com base nesses resultados pode-se concluir que a falta de infraestrutura logística é um dos grandes empecilhos para o crescimento das exportações brasileiras, afetando diretamente o mercado cafeeiro.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.