A Contextualização da Sucessão Geracional Rural na Contemporaneidade Literária

Bibiana Melo Ramborger, Luis Augusto Martins Caetano, Liris Kindlein, Saionara Araújo Wagner

Resumo


O presente artigo busca, a partir de uma revisão teórica, elaborar uma recapitulação sobre o tema da sucessão, englobando os desafios e os entraves para o desenvolvimento das famílias no meio rural. Apresentando algumas variáveis encontradas nas publicações, e a importância e métodos de avaliações para os mesmos, como por exemplo, a teoria do comportamento planejado, que vem aos poucos sendo utilizada nesse campo. A partir deste objetivo foram realizadas buscas em base de dados internacional, com avaliações qualitativas dos artigos encontrados e suas métricas utilizadas e selecionar a demanda, e assim utilizar os artigos que realmente condizem para referenciar teoricamente os estudos, tendo como foco principal a sucessão geracional rural. Também são salientadas as atribuições das novas gerações na construção da sucessão rural e geracional, tendo em vista o grande papel que a agropecuária tem na economia do Brasil, e os desenvolvimentos acarretados por ela em seus vários patamares de produção e propriedades. Bem como perceber as diversas formas encontradas de avaliações das situações diagnosticadas e os tratamentos dos dados gerados, como também seus resultados, opiniões dos autores, e assim contextualizar as perspectivas do assunto em pauta, os quais mesmo com as diversidades culturais e regionais, possuem alguns pontos comuns em vários países.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.