Competência Individual Necessária ao Cargo de Gestor Rural: uma análise entre as percepções de gestores rurais e diretores de uma rede de beneficiamento e recebimento de grãos do RS

Ana Paula Alf Lima Ferreira, Karen Teixeira

Resumo


O presente estudo buscou através da revisão de literatura acerca das Competências Individuais, por em práticas construtos de Fleury e Fleury (2001), e verificar quais as competências individuais são necessárias, para um indivíduo exercer a função de Gestor Rural, sendo que para responder tal questionamento, escolheu-se como campo de análise um Rede de Beneficiamento e Recebimento de Grão do RS, com mais de 20 anos de estabelecimento junto ao Estado. Com relação o método de pesquisa, define-se a mesma como sendo uma pesquisa exploratória, qualitativa baseada em um estudo de caso, tendo como base o modelo adaptado, de Competência Individuais de Fleury e Fleury (2001), sendo esse aplicado a 4 (quatro) gestores e 4 (quatro) Diretores da Rede de Beneficiamento e recebimento de Grão do RS, no mês de Maio de 2014. Percebeu-se, com base nas respostas dos entrevistados, que com relação competências individuais necessárias, para um indivíduo exercer a função de Gestor Rural são: (1) Saber mobilizar recursos; (2) Saber Apreender e (3) ter visão estratégica do negócio, as ademais: (4) Saber Agir; (5) Saber Comunicar-se; (6) Saber Engajar-se e Comprometer-se e (7) Assumir responsabilidade são definidas pelos mesmos como sendo adaptáveis.


Texto completo: PDF

Apontamentos